Notícias

Ter atitude no trabalho

Out 14, 2020 | Comentários

Só funciona se a empresa e o colaborar estão se entendendo

Ter atitude no trabalho está ligado a tomar decisões e, principalmente, agir na direção de algo construtivo. Seja buscando soluções, dando ideias, incentivando e colaborando com colegas de trabalho ou integrando suas funções a outras que possam gerar melhores resultados.

Antes de qualquer coisa, para ter atitude é preciso ter visão. Visualizar seus próprios processos, o que acontece ao seu redor e, se possível, o que poderá esperar logo a frente. Também é preciso de energia para se manter atuante naquilo que se propõe e consistência para manter a qualidade do que está sendo feito.

ATITUDE É SOBRE AÇÃO E RELACIONAMENTO

Você pode, ou não, ter habilidades técnicas excepcionais, saber todos os procedimentos e conhecer o funcionamento de tudo dentro de uma organização. Isso não quer dizer que você terá atitude para se diferenciar e realizar algo que precisa ser feito e a maioria não percebe, ou mesmo, não se propõe a colocar em prática.

Não basta que você seja a pessoa que irá colocar em prática se isso passar por cima de outras pessoas e deixar um estrago pelo caminho. A relação que existe entre você e as demais pessoas que fazem parte da empresa e também entre um setor e outro é o que mantém o equilíbrio no funcionamento do todo.

É importante que tudo funcione em harmonia e seja conduzido numa mesma direção. Não é diferente de como a natureza funciona, o simples ato de caminhar e seguir numa direção exige coordenação do corpo humano. Um pé na frente do outro, os braços se movendo lateralmente ajudando no equilíbrio, o coração mantendo uma determinada frequência cardíaca, tudo funcionando em harmonia para alcançar um objetivo.

Se cada órgão do corpo resolver funcionar sem se preocupar com o resto a pessoa não irá sair do lugar. Quanto mais afastado do restante estiver uma parte do corpo, mais descompassada e doente se tornará. De forma semelhante ocorre na organização que precisa do todo para se movimentar em direção a seus objetivos.

A FALTA DE ATITUDE PODE GERAR PROBLEMAS

Seja para o colaborador, seja para a empresa, a atitude é a força motora que gera o crescimento. O que mais se encontra nas empresas são pessoas que fazem apenas o essencial dentro de suas funções. Se preocupam mais com o horário de entrada e saída do trabalho e menos (ou nada) com aquilo que podem gerar de resultados e diferenciais.

Esse tipo de comportamento gera frustração para o colaborador e para a empresa. Para o indivíduo existe uma expectativa frustrada de crescimento profissional e reconhecimento que nunca acontece. Do lado da organização há dificuldade de alcançar os resultados e uma carência de novas ideias e comprometimento dos colaboradores.

Quando esses problemas se colidem de um lado você tem os colaboradores insatisfeitos e sem energia para desempenhar suas funções. Acabam trabalhando por necessidade e não se sentem integrados a empresa, ou mesmo, a equipe em que atuam. Esse sentimento pode se propagar para os colegas próximos e gerar um clima de insatisfação.

Do outro lado, a empresa cobra de suas lideranças soluções para as dificuldades que enfrenta e investe em cursos de capacitação para ter colaboradores mais qualificados. Mas, se o problema está nas relações e no clima criado internamente, esse tipo de ação não irá solucionar nada.

COMO MELHORAR A SITUAÇÃO?

A organização pode contar com diferentes formas de incentivar os colaboradores a terem atitudes positivas como profissionalismo, proatividade, comprometimento e disposição. O mais importante é entender que isso não é feito abordando diretamente cada atitude dessas. Não enquanto ainda não existe um clima condizente com essas atitudes.

Primeiramente é preciso criar um ambiente em que o colaborador se sinta acolhido, com ações contínuas que despertem a vontade de participar e atuar para alcançar os melhores resultados. A busca por esses resultados não pode ser entendida como uma obrigação para um terceiro, mas como uma ação na qual ele cresce em conjunto.

Entender que cada pessoa tem suas próprias características também é importante. Para uma pessoa ter atitude pode representar liderar e unir pessoas em torno de um objetivo. Para outra pode ser ir além daquilo que já entrega e dar ideias para o líder. Saber se comunicar e criar um espaço ideal para cada tipo de pessoa propicia segurança e bem-estar.

Como profissional você poderá sentir os resultados da atitude se não depender de terceiros para lhe reportar isso. Isso quer dizer que se você pretende ser uma pessoa de atitude no trabalho isso não deve ser feito apenas para obter uma função, ou para ganhar algum prêmio.

Ter atitude faz parte da maneira de trabalhar e agir de uma pessoa. Alguém que pratica isso deve reconhecer em seus próprios resultados o valor disso, sem que ninguém precise vir lhe dar um tapinha nas costas de agradecimento. Claro que o reconhecimento é bom e necessário, mas nem sempre isso acontecerá e o mais importante é que você perceba seu próprio valor.

Pode ser que seja difícil para você saber as melhores formas de começar a ter atitude naquilo que faz. Para que sua atitude ocorra de forma natural e aconteça de maneira equilibrada com o que a empresa necessita é fundamental que você se perceba como parte atuante da organização.

Não tente ser outra pessoa, apenas procure no seu jeito de ser as melhores atitudes para elevar a qualidade daquilo que faz. Comece com ações que você percebe que são benéficas ao todo. Como se fazer presente, estando disponível. Ser a pessoa que seus colegas podem contar se necessário, estar comprometido com as tarefas a que se propõe. Com o tempo isso se torna natural e indispensável na sua rotina.

Fonte: Portal Administradores.com - Rodrigo Poiesis

Compartilhe:

Postagens Recentes

Governo deve reajustar salário mínimo...

Jan 15

Prefeitura de SP libera retorno das...

Jan 14

Salário-família: Confira o valor do...

Jan 14

FGTS: Caixa divulga calendário de...

Jan 13

Auxílio emergencial: Veja quem deve...

Jan 12

Pequenas empresas têm até o dia 29 de...

Jan 11

Mais de 6,7 milhões de brasileiros...

Jan 08

Por uma relação família-escola...

Jan 07